Governo lança campanha para esclarecer população sobre Nova Previdência

Criadas pela agência Artplan, peças trazem pessoas comuns fazendo perguntas sobre a proposta

Fonte: PROPMARK  

“Nessa Nova Previdência aí, como fica para mim que ganho um salário mínimo? Vou ter de pagar mais?”. Essas são perguntas comuns entre os brasileiros. Mas, a partir desta semana, o governo pretende responder essas e outras dúvidas através da campanha da Nova Previdência.

De acordo com pesquisas internas da Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República (Secom), a pergunta levantada pelo cozinheiro é uma dúvida comum a milhares de brasileiros. Com o mote “Nova Previdência. Pode Perguntar.”, a campanha – formulada pela própria Secom e executada pela Artplan – estimula a participação da sociedade no debate para a construção de uma nova Previdência. A ideia é tirar dúvidas do cidadão comum, com objetividade e transparência, e conscientizar a população para a necessidade da revisão do sistema de aposentadorias do País, trazendo os cidadãos para o centro do processo.

As mudanças propostas vão promover justiça social e ampliar a capacidade de investimento do país, segundo o governo. “Há muita desinformação sobre o que é e o que muda na proposta da Nova Previdência em tramitação no Congresso. Queremos evitar que as pessoas tenham opiniões baseadas em informações erradas, fake news, espalhadas aos montes quando se trata do sistema de aposentadorias”, explica Fábio Wajngarten, executivo à frente da Secom. Para esclarecer, as mensagens ressaltam, por exemplo, a manutenção das regras vigentes para quem já está aposentado e a redução de privilégios históricos do sistema previdenciário brasileiro, que inclui a diminuição da contribuição de quem ganha menos e o aumento da contribuição de quem ganha mais.

A campanha, que conta com investimentos da ordem de R$ 37 milhões, mostra pessoas comuns em seus afazeres cotidianos questionando pontos da Nova Previdência. As respostas vão sendo dadas por uma apresentadora em estúdio. Ao final, surge um selo na tela com a mensagem: “Essa é a verdade”. Os comerciais sempre terminam com o conceito: Nova Previdência. É para todos. É melhor para o Brasil.

A utilização de comunicadores será um reforço para ajudar a esclarecer os pontos da Nova Previdência no Rádio e na TV. Os merchandisings terão a mesma dinâmica das demais peças: perguntas e respostas. A expectativa é que, com o apoio dos comunicadores, a mensagem chegue mais facilmente aos públicos mais sensíveis à proposta e que ainda não conhecem detalhes da PEC.

Mídia – A campanha começou a ser veiculada no último dia 20 de maio de 2019 e deve durar até em meados de julho de 2019. A veiculação ocorrerá nos meios de TV, Rádio, Mídia Exterior, em terminais aeroportuários, metroviários e rodoviários, painéis em comunidades urbanas, Revistas do Segmento Gestão Pública e Internet (redes sociais e de vídeos, buscadores, distribuidores de conteúdos e de streaming de áudio). No meio digital, será feito um estudo de segmentação para tratar os conteúdos de forma mais densa para os públicos de interesse. Conheça aqui as peças da campanha.

Confira um dos vídeos:https://www.youtube.com/watch?v=2U-_lUyCKm0&feature=youtu.be